Fonte: OpenWeather

    Comitiva


    Deputados virão a Manaus reunir informações sobre presídios e facções

    A situação carcerária no Amazonas, bem como o risco de fugas e o domínio das facções criminosas nas penitenciárias locais serão analisadas nesta sexta por uma comitiva de deputados federais que virão a a Manaus

    A comitiva faz parte da Comissão Externa da Câmara dos Deputados, que conta com os parlamentares Delegado Pablo Oliva (PSL-AM), Capitão Alberto Neto (PRB-AM), Coronel Tadeu Lemos (PSL-SP), Capitão Augusto Rosa (PR-SP) e Capitão Wagner Gomes (PROS-CE).
    A comitiva faz parte da Comissão Externa da Câmara dos Deputados, que conta com os parlamentares Delegado Pablo Oliva (PSL-AM), Capitão Alberto Neto (PRB-AM), Coronel Tadeu Lemos (PSL-SP), Capitão Augusto Rosa (PR-SP) e Capitão Wagner Gomes (PROS-CE). | Foto: Divulgação

    Manaus - A situação carcerária no Amazonas, bem como o risco de fugas e o domínio das facções criminosas nas penitenciárias da capital e interior do Estado, serão analisadas nesta sexta-feira (31) por uma comitiva de deputados federais que vêm a Manaus inspecionar o sistema penitenciário da capital. A comitiva faz parte da Comissão Externa da Câmara dos Deputados, que conta com os parlamentares Delegado Pablo Oliva (PSL-AM), Capitão Alberto Neto (PRB-AM), Coronel Tadeu Lemos (PSL-SP), Capitão Augusto Rosa (PR-SP) e Capitão Wagner Gomes (PROS-CE).

    Os deputados vão inspecionar as instalações do Compaj, CDPM e IPAT, onde no último domingo e segunda-feira ocorreram as mortes de 55 detentos. O resultado das inspeções será transformado num estudo técnico e depois enviado ao Departamento Penitenciário Nacional (Depen) para que sejam tomadas medidas contra as facções criminosas.

    As inspeções começam às 9h, pelo Compaj, onde os parlamentares terão acesso às dependências do complexo prisional. Os deputados vão conversar com detentos e também policiais militares e funcionários da empresa Umanizzare.

    Depois, a comitiva segue para o CDPM (Centro de Detenção Provisório de Manaus), onde também realizarão inspeção. A visita técnica termina no IPAT (Instituto Penal Antônio Trindade).

    Todos os parlamentares que integram a Comissão Externa são integrantes da Frente Parlamentar Mista de Desenvolvimento Estratégico do Sistema Penitenciário, Combate ao Narcotráfico e Crime Organizado. A Frente Parlamentar tem atuado no levantamento de informações sobre o crime organizado no Brasil, com destaque para o fortalecimento das facções criminosas em vários Estados.

    O deputado Delegado Pablo Oliva, que é membro da Frente Parlamentar, destaca que o Amazonas passa por uma guerra de facções pelo comando do tráfico de armas e drogas.

    “O Amazonas é uma das portas de entrada de armas e drogas no Brasil, por isso as facções disputam o controle da região”, explicou Pablo. “No meio dessa guerra está a população, que sofre com o aumento da violência”, acrescentou.

    Com as informações obtidas em Manaus, o Departamento Penitenciário Nacional, que é vinculado ao ministério da Justiça, do ministro Sérgio Moro, terá condições de elaborar ações para desarticular as facções criminosas que atuam nas principais capitais do País.

    Comentários