Fonte: OpenWeather

    Política


    Servidores estaduais e municipais ficam fora de reforma da previdência

    A ideia do relator é que deputados estaduais e vereadores votem no projeto separadamente

    Veja reportagem | Autor: Alex Costa/TV Em Tempo

    Manaus - A reforma da Previdência Social está tramitando desde fevereiro na Câmara Federal, e desde então divide as opiniões da população. O relatório da comissão especial que analisa a proposta foi apresentado na última quinta-feira (13).

    O relatório que consolida o projeto de reforma da previdência foi lido na última quinta-feira na comissão especial da Câmara Federal. Relator da matéria, o deputado Samuel Moreira (PSDB), retirou do projeto modificações nos institutos de previdência dos estados e municípios.

    No texto original da proposta de emenda constitucional, as mudanças que seriam adotadas para os servidores federais também se estendiam a governos estaduais e prefeituras. A ideia do relator é que esses parlamentares votem no projeto separadamente. O assunto tem dividido opiniões de deputados e vereadores.

    Na Assembleia Legislativa do Amazonas, deputados comentaram as repercussões da reforma, e na Câmara Municipal de Manaus, os vereadores estão divididos sobre o tema.

    O Amazonprev, responsável pela previdência dos servidores do estado, atende hoje cerca de 33 mil pessoas entre pensionistas e aposentados. As finanças do órgão estão com um déficit de mais de R$ 286 milhões. J á a Manausprev, responsável pela previdência do município, está em ordem.

    Veja a reportagem completa da TV Em Tempo:

    Veja reportagem | Autor: Alex Costa/TV Em Tempo
     

    Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Prefeito homenageia servidores da Manaus Previdência

    Bolsonaro vai aguardar relatório da Previdência para se manifestar

    Assista mais vídeos da TV Em Tempo

    Comentários