Fonte: OpenWeather

    Votação


    Câmara rejeita, por 331 votos, tirar de pauta reforma da Previdência

    O presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), tentará pelo menos encerrar a fase de discussão da reforma ainda nesta noite

    Até o momento, foram apresentados 77 destaques ao texto principal da reforma | Foto: Reprodução

    Brasília - O plenário da Câmara dos Deputados rejeitou há pouco, por 331 votos a 117, o requerimento apresentado pelo PCdoB para a retirada da reforma da Previdência da pauta da sessão de hoje (9). 

    O placar indica que o governo teria votos suficientes para aprovara o texto da reforma. São necessários 308 votos para aprovar a reforma em primeiro turno.

    A oposição, no entanto, faz obstrução aos trabalhos por meio da apresentação de diversos requerimentos, que devem ser votados um de cada vez. O presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), tentará pelo menos encerrar a fase de discussão da reforma ainda nesta noite.

    Até o momento, foram apresentados 77 destaques ao texto principal da reforma, sendo 18 deles de bancada e os outros 59 individuais - que podem ser rejeitados em bloco. Novos destaques podem ser apresentados até o início da votação do texto.

    Leia Mais 

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Deputada pode ser expulsa do partido caso vote a favor da RP

    Câmara: líderes articulam votação da reforma nesta terça-feira (9)

    Comentários