Fonte: OpenWeather

    Segundo semestre


    Homens de Bolsonaro vão discursar em palestra no AM

    O vice-presidente e o procurador Geral da República irão palestrar na Escola Superior de Magistratura em Manaus.

    Ambos os convidados serão agraciados com a Medalha do Mérito Acadêmico (MMA), honraria concedida pela Esmam, a personalidades que contribuíram à justiça do Amazonas | Foto: Renato Costa FramePhoto/ Folhapress

    Manaus -  O general e vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB) deve voltar mais uma vez a Manaus, no segundo semestre deste ano. Desta vez, como convidado de uma palestra, na Escola Superior da Magistratura do Amazonas (Esmam). Com ele, virá ainda, o  procurador geral da república, Augusto Aras também foi convidado para o evento.

    A iniciativa de trazer os homens de confiança do Presidente Jair Bolsonaro, partiu do desembargador do Tribunal de Justiça  do Amazonas (Tjam) e diretor da Escola Superior da Magistratura do Amazonas (Esmam), Flávio Pascarelli. “Propomos nesta ocasião, não trabalhar somente com a palestra de Direito em si, como fazemos na Esmam. O intuito é expandir os conhecimentos dos magistrados e convidados presentes nesta palestra., por meio de assuntos que estão em alta no Brasil. Mourão e Aras acrescentarão uma visão mais ampla desse cenário”, adiantou Pascarelli sobre o convite.

    Segundo o magistrado, o general e o procurador se mostraram alegres e satisfeitos com a chamada para a conferência, que deve comportar até 500 pessoas. “Eles (Mourão e Aras) demonstraram alegria e satisfação pelo convite. Mourão já possui um histórico positivo com a região Amazônica, principalmente no Amazonas, onde o avô construiu uma carreira no judiciário”, explicou.

    “Temos grandes expectativas positivas sobre o evento, ainda não temos a data definida. Mas tenho certeza que a sociedade, assim como a Esmam deve abraçar o evento. Grandes legados de conhecimento devem ser depositados nesta oportunidade”, conclui o diretor da Esmam.

    Homenagem e histórico

    Ambos os convidados serão agraciados com a Medalha do Mérito Acadêmico (MMA), honraria concedida pela Esmam, a personalidades que contribuíram à justiça do Estado. Hamiltom Mourão deve receber a MMA, não só pela sua atuação militar na região, mas pela contribuição do avô, que também compôs o corpo jurídico do TJAM. Antônio Hamilton Mourão atuou como desembargador e presidiu a corte por cinco anos.

    Já o Procurador Geral, Augusto Aras recebe a MMA pela sua vasta atuação na carreira judiciária e acadêmica. Com títulos como doutorado em Direito Constitucional e mestrado em Direito Econômico, Aras é integrante do MPF desde 1987. O posto atual foi assumido em 2017, substituindo Raquel Dodge, por meio de nomeação do ex-presidente Michel Temer.   

    Comentários