Fonte: OpenWeather

    PODER LEGISLATIVO


    Assembleia Legislativa mantém atividades presenciais suspensas

    Com base em decretos do Governo do Estado e da Prefeitura de Manaus, Aleam decidiu pela manutenção das reuniões remotas

    Aleam não divulgou na nota uma previsão de retorno das sessões no plenário do Poder | Foto: Danilo Mello/Aleam

    Manaus - A Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam) vai manter suas atividades presenciais suspensas, principalmente no plenário do poder. A informação foi divulgada pelo presidente da Casa, deputado Josué Neto (PRTB), em nota compartilhada em mídias sociais.

    De acordo com o texto, a medida segue as orientações das autoridades de saúde, no que diz respeito à manutenção do distanciamento social. Enquanto as sessões plenárias seguem de forma remota, pela internet, a Aleam não tem uma data definida para o retorno presencial, como forma de evitar prejuízos às atividades legislativas.

    De acordo com a nota, o Poder Legislativo do Amazonas, com o intuito de continuar observando as orientações das autoridades sanitárias, considerando o que determina o artigo 10, inciso sexto do Decreto Estadual 42.330, de 28 de maio de 2020, que regulamenta a volta das atividades no Estado do Amazonas; as reuniões de trabalho, sessões de conselhos e demais atividades, que exijam o encontro de servidores, deverão ocorrer por meio de tecnologias que permitam sua realização à distância

    O decreto da Aleam reforçou ainda a justificativa da manutenção da suspensão das atividades presenciais, considerando o decreto da Prefeitura de Manaus, número 4836 de 29 de maio de 2020, que manteve suspensas as atividades presenciais até 30 de junho.

    “Resolve manter suas atividades presenciais suspensas, sem prejuízos do funcionamento do Poder Legislativo, que deverá continuar operando em regime de tele trabalho e principalmente das Reuniões Plenárias, que continuarão acontecendo de forma virtual e com suas transmissões, ao vivo, através das redes sociais”, justificou a Aleam, em nota.

    Comentários