Fonte: OpenWeather

    REAÇÃO POLÍTICA


    Políticos do AM repudiam fala de Luciano Huck sobre a Zona Franca

    Luciano disse que a indústria de Manaus deveria produzir cosméticos com insumos da floresta ao invés de tanques de motocicletas

    Luciano Huck foi chamado pelo deputado Marcelo Ramos para conversar sobre a ZFM
    Luciano Huck foi chamado pelo deputado Marcelo Ramos para conversar sobre a ZFM | Foto: Divulgação

    Manaus - Candidato virtual a presidência da República em 2022, o apresentador da TV Globo Luciano Huck foi chamado de irresponsável por políticos do Amazonas, depois de criticar a Zona Franca de Manaus (ZFM) durante entrevista concedida na noite de segunda-feira (3). Huck disse que, ao invés da produção de tanque de motocicleta, geladeira e telefone, o Polo Industrial de Manaus (PIM) deveria produzir tecidos, perfumes e cosméticos, com insumos da floresta amazônica.

    O deputado federal Marcelo Ramos (PL-AM) entrou em contado com o apresentador e sugeriu um diálogo sobre o Polo de Manaus. “Conversei agora a pouco com o Luciano Huck (na tarde desta terça-feira). Encaminhei para ele o estudo da Fundação Amazonas Sustentável (FAS) que demonstra a importância da ZFM na preservação da floresta e que a bioeconomia amazônica deve ser complementar e não contraditória ao atual modelo para que ele seja realmente sustentável e se inicie uma transição que deve ser de longo prazo”, disse o deputado federal.

    Ramos disse que ligou para Huck e encaminhou para ele um estudo da Fundação Amazonas Sustentável
    Ramos disse que ligou para Huck e encaminhou para ele um estudo da Fundação Amazonas Sustentável | Foto: Divulgação

    De acordo com Marcelo Ramos, Huck foi receptivo à proposta e se mostrou disposto e interessado e conversar sobre o modelo. “Ele disse que podemos mergulhar juntos nesse assunto para manter a importância da ZFM para a região”, afirmou o parlamentar amazonense.

    Amauri Colares

    Na Câmara Municipal de Manaus (CMM), a fala do apresentador foi criticada pelo vereador Amauri Colares (Republicano). Em seu discurso, na manhã desta terça-feira (4), o parlamentar perguntou se Huck sabe ao menos fazer uma bicicleta, a não ser só apresentar um programa.

    Vereador Amauri Colares disse que Huck não tem o direito de se desfazer da indústria de Manaus
    Vereador Amauri Colares disse que Huck não tem o direito de se desfazer da indústria de Manaus | Foto: Divulgação

    “Cidadão que não é daqui, não conhece nossa região, talvez nunca visitou o distrito industrial para saber a importância da ZFM. Ela não é só uma zona franca do Amazonas, ela é de todo o Brasil. Não podemos permitir que um ‘caboco’ lá de São Paulo venha se desfazer da nossa cidade, do nosso Estado, principalmente do nosso parque industrial”, repudiou o parlamentar.

    Abdala Fraxe

    Na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), o Deputado Estadual Abdala Fraxe (Podemos), também demonstrou repúdio ao que disse Luciano Huck.

    “Qual o conhecimento técnico que Luciano Huck tem para emitir opinião, pareceres sobre a ZFM? Um ignorante daquele (no sentido de ignorar), que vai para uma entrevista dizer que a Zona Franca tem que parar de fabricar ‘tanque de moto’. A cadeia produtiva do polo de duas rodas da nossa cidade é a mais adensada de todas, 92% de uma moto é fabricada em Manaus. É brincadeira. O Amazonas não precisa substituir nem um meio de produção. Devemos agregar os outros”, enfatizou o deputado.


    Comentários