Fonte: OpenWeather

    Vitória


    David derrota Amazonino e vence eleição municipal em Manaus

    A vitória de David já era apontada nas pesquisas eleitorais desde o início de segundo turno, quando liderou todos os cenários

    No primeiro turno do pleito, David recebeu 215.644 votos (22,35%) e consolidou seu nome para o segundo turno das eleições municipais
    No primeiro turno do pleito, David recebeu 215.644 votos (22,35%) e consolidou seu nome para o segundo turno das eleições municipais | Foto: Divulgação

    Manaus - Com 100% das urnas eletrônicas apuradas, David Almeida (Avante) foi eleito prefeito de Manaus em segundo turno, neste domingo (29). Almeida conquistou 466.970 votos ou 51,27 dos votos válidos, enquanto Amazonino Mendes (Podemos) obteve 443.747 (48,73%) consolidando, o cenário já era apontado nas pesquisas desde o início do segundo turno.

    No primeiro turno do pleito, David recebeu 215.644 votos (22,35%) e consolidou seu nome para o segundo turno das eleições municipais junto a Amazonino que conquistou 230.738 votos (23,91%).

    Em decorrência do falecimento de sua mãe, Rosa Almeida, David comemorou o resultado do pleito via live nas redes sociais.  “É um misto que estamos vivendo. Agradecido a Deus, ao povo da minha cidade. É um misto de alegria e tristeza. Vou poder trabalhar pela minha cidade, poder fazer mais e melhor, juntamente com o Marcos Rotta. Gratidão total a todos os nossos apoiadores, candidatos, coordenadores, principalmente ao povo bondoso da minha Manaus. Eu que entrei há 24 anos em uma campanha eleitoral para entregar santinho, dirigir carros, balançar bandeiras nos sinais e Deus me concede agora a honra de ser prefeito. É muita gratidão, muita gratidão”, disse.

    David contou ainda sobre os planos que pretende colocar em prática a partir de 2021. “Quero fazer nossa cidade crescer, sou prefeito de todos. Vou procurar os apoios possíveis para fazer o melhor para a nossa cidade. A verdade sempre vence a mentira, o bem sempre vence o mal e o trabalhador sempre vence quem não gosta de trabalhar. Minha mãe não pode votar, mas a população votou e me escolheu, muito obrigada”.

    A mãe do prefeito eleito, faleceu aos 84 anos no último sábado (28) ao sofrer uma parada cardiorrespiratória. Dona Rosa estava internada no hospital Adventista há duas semanas. A idosa lutava contra a Covid-19 desde o dia 12 de novembro.

    Festa no Avante

    Já na comemoração que aconteceu no Espaço Via Torres (antigo Metropolitan), na avenida das Torres, Zona Norte, o vice da chapa Marcos Rotta (DEM) foi o representante da coligação Avante Manaus e comemorou a vitória nas urnas.  

    “Vamos assimilar os números, pensar no melhor para a cidade e na execução de tudo aquilo que o David espera para a realização de Manaus. Agora vamos olhar para a frente, para o futuro de Manaus. David é jovem, experiente e competente. E eu passei a projetar nele tudo aquilo que eu espero para o futuro da capital. A partir de agora, vamos estar juntos 24 horas por dia, nas ruas de Manaus. Nossa missão é ajudar a população de amazonense a ter a melhor a qualidade de vida”, declarou.

    Votação

    David também falou sobre as dificuldades para tocar a campanha nos últimos 15 dias
    David também falou sobre as dificuldades para tocar a campanha nos últimos 15 dias | Foto: Divulgação

    No início do dia, durante a votação na escola estadual Antônio Lucena Bittercourt, na avenida Adalberto Vale, bairro Morro da Liberdade, Zona Sul da capital amazonense, David Almeida reforçou o compromisso que ele e Marcos Rotta têm com a cidade e lamentou a campanha de ataques feitos por Amazonino.

    “Agradeço a todos, sem mágoa e sem rancor. Ofertamos à população de Manaus uma campanha propositiva. O povo puniu quem mentiu no primeiro turno. Espero que aconteça isso no segundo turno”.

    David também falou sobre as dificuldades para tocar a campanha nos últimos 15 dias e aproveitou para agradecer as mensagens de carinho sobre o falecimento de sua mãe e falou sobre como teve que mobilizar seus familiares, que tiveram de ser retirados do Morro da Liberdade por segurança.

    “Em alguns debates estava no hospital e precisava sair. Sexta-feira foi um dia dramático para nós. Ontem estava na igreja quando me ligaram e fui ouvir a notícia do falecimento da minha mãe. Desde já agradeço tantas manifestações de carinho e amor. Peço a Deus por todos que nos ofenderam. Tive que tirar todos da minha família dormindo em casa, no bairro, de tanta ameaça”, revelou.

    Pesquisas Eleitorais apontavam vitória

    O confronto entre David e Amazonino começou a se acirrar desde as eleições de 2018, quando Almeida foi o terceiro mais votado no primeiro turno das eleições gerais, em Manaus, com 212.334 mil votos, contra 232.032 do adversário. No cenário eleitoral da capital nas eleições para governador, a diferença entre eles foi menor que 20 mil votos (8,4%).

    Desde a pré-campanha, David Almeida disputava a preferência do eleitor nas intenções de votos das pesquisas eleitorais realizadas na capital do Estado. E, mesmo após 11 nomes se lançarem na corrida eleitoral David se consolidou na posição de um dos mais fortes nomes para sucessão do prefeito, Arthur Virgílio Neto (PSDB). Em uma eleição que se mostrava polarizada entre ele e o ex-governador Amazonino Mendes, o vencedor o pleito era apontado pelas pesquisas como o único nome com capacidade para vencer seu atual rival, devido a sua baixa rejeição eleitoral.

    Já nas pesquisas eleitorais que analisavam o cenário de segundo turno do pleito, David liderou todos os estudos se consolidado na posição de um dos mais fortes nomes para sucessão do prefeito, Arthur Virgílio Neto (PSDB).

    A última pesquisa do segundo turno realizada pelo Instituto Ibope e divulgada no sábado (29), David estava com quatro pontos percentuais à frente de Mendes, totalizando 44% da preferência dos votos do eleitorado.

    Trajetória política

    David foi deputado estadual por três mandatos consecutivos, sendo eleito pela primeira vez em 2006
    David foi deputado estadual por três mandatos consecutivos, sendo eleito pela primeira vez em 2006 | Foto: Divulgação

    David Almeida tem 52 anos e é bacharel em Direito. Em 2018, Almeida concorreu pela primeira vez ao cargo de governador do Estado e ficou na terceira colocação com 417.203 votos. O postulante teve trajetória com votações expressivas. Foi deputado estadual por três mandatos consecutivos, sendo eleito pela primeira vez em 2006. Por ser presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), David chegou a exercer cargo de governador interino do Amazonas após cassação de José Melo.

    Campanha Eleitoral

    Mesmo sendo, um dos mais atacados, David usou os 10 minutos de tempo de TV, para ressaltar propostas
    Mesmo sendo, um dos mais atacados, David usou os 10 minutos de tempo de TV, para ressaltar propostas | Foto: Divulgação

    A campanha eleitoral foi retomada no dia 16 de novembro. No total, foram apenas duas semanas para que os candidatos conquistassem o voto dos eleitores de candidatos derrotados no primeiro turno e se mantivessem na preferência do eleitorado já conquistado.

    Mesmo sendo, um dos mais atacados, David usou os 10 minutos de tempo de TV, para ressaltar propostas como os programas Auxílio Manauara, o Prato do Povo e o Prato da Criança e “Casa para todos”. Além de incentivar uma eleição justa e limpa e desmentir as “fake news” que segundo ele, foram usadas para lhe prejudicar.

    Orçamento

    Se não houver qualquer acréscimo no orçamento do município em quatro anos, o prefeito terá R$ 26 bilhões para administrar a cidade. Serão 1.460 dias de gestão, R$ 6,4 bilhões por ano, R$ 541,6 milhões por mês e R$ 18 milhões por dia a serem usados pelo chefe do Executivo.

    Para 2021, a previsão orçamentária do município é de R$5,6 milhões, conforme os dados preliminares apresentados pela Secretaria Municipal de Finanças e Tecnologia da Informação (Semef) para o próximo exercício financeiro.

    Parceria futura

    Durante a votação na Escola Estadual Sant’Ana, Zona Centro-Sul, o governador Wilson Lima (PSC) destacou que o Governo do Estado quer parceria com o próximo prefeito eleito para, em 2021, avançar em ações de melhoria em áreas essenciais para a população de Manaus.

    “Amanhã eu estarei de braços abertos para receber o próximo prefeito de Manaus, para que a gente possa já começar a construir as estratégias para o ano de 2021”, destacou o governador, que estava acompanhado da primeira-dama, Taiana Lima.

    Wilson Lima reafirmou que sua gestão sempre priorizou o diálogo, independentemente de bandeira partidária, com o intuito de avançar nas frentes de trabalho. “O Estado do Amazonas sempre esteve aberto para as parcerias. Eu sempre fui um homem do diálogo, e sempre estive à disposição para fazer parcerias com todas as prefeituras do estado do Amazonas''.

    Expectativa 

    Ao votar no Colégio Amazonense Dom Pedro II, localizado na rua 7 de Setembro, no Centro de Manaus, o prefeito Arthur Virgílio Neto falou sobre as expectativas para a continuidade dos projetos durante a nova gestão, a partir de 1° de janeiro de 2021.

    "Realizamos muitas obras importantes e muitas melhorias à cidade, espero que o próximo prefeito honre essa nossa gestão", declarou Arthur Neto.

    Próximo a deixar a prefeitura de Manaus, Arthur Neto declarou ainda que irá se manter afastado. "Pretendo descansar. Há um momento que você não deixa a política, mas que a política deixa você. Quero me afastar antes que a política se afaste de mim", ressaltou.

    Leia mais:

    David Almeida é eleito prefeito de Manaus com 51,27% dos votos

    David Almeida e Rotta agradecem aos manauaras pela vitória

    Com 57% das urnas apuradas, David vence Amazonino neste domingo

    Comentários