Fonte: OpenWeather

    Coronavirus


    Conib repudia fala de Renan sobre holocausto durante CPI da Covid

    O senador ponderou haver diferenças entre uma barbárie, como o holocausto, e uma tragédia, como a pandemia do novo coronavírus

     

    Renan Calheiros disse não se tratar de uma comparação
    Renan Calheiros disse não se tratar de uma comparação | Foto: Divulgação


    A Confederação Israelita do Brasil (Conib) repudiou, em nota divulgada nesta terça-feira (25/5), fala do senador Renan Calheiros (MDB-AL), que disse haver semelhanças entre o comportamento de autoridades brasileiras durante a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 e o marechal Hermann Göring, considerado o número dois do ditador nazista Adolf Hitler, no Tribunal de Nuremberg.

    Após ser interrompido por colegas, Renan Calheiros disse não se tratar de uma comparação. Ele ponderou haver diferenças entre uma barbárie, como o holocausto, e uma tragédia, como a pandemia do novo coronavírus.

      “Não podemos dizer – e, por isso, não há prejulgamento –, não podemos dizer que aqui ocorreu um genocídio. Não podemos dizer ainda, mas podemos dizer, sim, que há uma semelhança assustadora, uma semelhança terrível, uma semelhança tenebrosa, uma semelhança perturbadora no comportamento de algumas altas autoridades que testemunharam aqui na CPI e o relato que acabei de ler sobre um dos marechais do nazismo no Tribunal de Nuremberg”, afirmou o relator da CPI da Covid, nessa terça, ao abrir o depoimento da secretária Mayra Pinheiro.  

    Em nota, a Conib esclareceu se tratar de mais uma comparação “completamente indevida do momento atual com os trágicos episódios do nazismo que culminaram no extermínio de 6 milhões de judeus no Holocausto”.

    “Essas comparações, muitas vezes com fins políticos, são um desrespeito à memória das vítimas do Holocausto e de seus descendentes. A Conib inclusive criou uma campanha contra a banalização do Holocausto, para que possamos entender melhor as verdadeiras dimensões dos fatos e assim contribuir para um melhor entendimento do presente. Assistam e compartilhem”, prosseguiu a confederação.

    *Com informações do Metrópoles

    Leia Mais:

    Mayra diz não ter recebido informações sobre falta de oxigênio no AM

    PM suspeito de matar empresário no Centro é preso na DEHS, em Manaus

    Mayra Pinheiro, a "Capitã Cloroquina", é ouvida na CPI da Covid

    Comentários